Destaque
NOTÍCIA | 28 Abril 2022

Primeiro ano de atividade do Centro de Artes e Criatividade com balanço bastante positivo

O primeiro ano de funcionamento do Centro de Artes e Criatividade (CAC) saldou-se por um balanço bastante positivo.

A título de exemplo refira-se que nesse período temporal contabilizaram-se 7.252 visitas às exposições patentes neste equipamento cultural municipal, tendo, paralelamente, se verificado 4.269 participações nas atividades do serviço pedagógico do mesmo.

Esta informação foi avançada pelo diretor executivo do CAC, Rui Brás, em conferência de imprensa realizada no dia 26 de abril.

Na mesma, Rui Brás aproveitou para efetuar uma retrospetiva do primeiro ano de atividade do CAC, o qual foi inaugurado, recorde-se, no dia 25 de abril de 2021. Dessa retrospetiva saliente-se, para além das visitas às exposições e das atividades pedagógicas proporcionadas, também o acolhimento de espetáculos culturais, de sessões de poetry slam, de sessões de cinema, de workshops, de palestras e de atividades comemorativas de efemérides.

Relativamente ao segundo ano de atividade do CAC, Rui Brás anunciou que está já previsto um novo conjunto de iniciativas a dinamizar por este equipamento cultural, nomeadamente a inauguração de novas exposições, a oferta de novas propostas pedagógicas, o lançamento de calls para o acolhimento de artistas em residências artísticas e a disponibilização online de acervo documental.      

Nos próximos dias 29 e 30 de abril e 7 de maio o primeiro ano de atividade do CAC vai ser comemorado com um conjunto de ações lúdicas e culturais, as quais, segundo as palavras da presidente da Câmara Municipal, Laura Rodrigues, visam aproximar a comunidade do equipamento, proporcionando a fruição do mesmo, agora num contexto mais favorável. Na sua intervenção, Laura Rodrigues reiterou ainda que o CAC tem uma função de “âncora” no processo de regeneração urbana da encosta de S. Vicente, sendo que em torno deste espaço cultural gravitará todo um “ecossistema cultural e social” que dará “uma vida completamente diferente” à respetiva zona da Cidade.

Presente na conferência de imprensa de balanço do primeiro ano de atividade do CAC esteve também a vereadora da Cultura da Câmara Municipal, Ana Umbelino, que aproveitou na sua alocução para recordar que a criação do referido “ecossistema” resulta de um processo que contou com uma relevante participação da comunidade da encosta de S. Vicente.

A finalizar a conferência de imprensa usou da palavra o futuro diretor artístico do CAC, João Garcia Miguel, que iniciará as suas novas funções no dia 1 de maio. Na sua intervenção, vincou a ideia do “cidadão como criador” ser um conceito-chave do trabalho que será realizado pelo CAC, espaço que, segundo ele, está aberto aos artistas e se pretende relacionar com as várias comunidades do Concelho.

Primeiro ano de atividade do Centro de Artes e Criatividade com balanço bastante positivo

Última atualização: 29.04.2022 - 11:50 horas


Outras notícias

1 Julho 2022

Teatro de rua "Gangarilha" percorreu o Concelho

O teatro de rua Gangarilha esteve em itinerância pelas freguesias do c...

Ver mais ›
12 Maio 2022

Centro de Artes e Criatividade celebrou o seu primeiro aniversário

O Centro de Artes e Criatividade celebrou recentemente o seu primeiro ...

Ver mais ›
28 Abril 2022

Primeiro ano de atividade do Centro de Artes e Criatividade com balanço bastante positivo

O primeiro ano de funcionamento do Centro de Artes e Criatividade sald...

Ver mais ›